Category

CDPF

Category

O curso foi de depilação e design de sobrancelha, oferecido pelo Projeto Lisbela 

Onze reeducandas do Centro de Detenção Provisório Feminina (CDPF), localizado no km 08 da BR-174 (Manaus-Boa Vista), receberam nesta semana a primeira certificação profissional de 2020 –  Curso de Depilação e Design de Sobrancelha, ofertado às internas por meio do Projeto Lisbela, cuja finalidade é promover a qualificação profissional na área de estética e imagem pessoal.

A capacitação é promovida pela Umanizzare Gestão Prisional e a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap). O curso tem duração de duas semanas, e as aulas serão realizadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, totalizando uma carga horária de 60 horas.

Segundo a instrutora Karla Alexandra Nogueira, o curso está dividido em duas etapas. Na primeira, serão abordadas as técnicas iniciais para sobrancelha simples, design e pigmentação com henna. No segundo momento, o grupo irá trabalhar com depilação básica para buço, perna inferior e superior. “É um curso profissionalizante voltado para o público iniciante. As reeducandas qualificadas para atuarem no mercado profissional, após o cumprimento da pena”, disse ela.

Com o Projeto Lisbela, a Umanizzare também tem alcançado objetivos, como a redução da pena por meio de cursos profissionalizantes, com aprendizagem das técnicas de corte, lavagem, escova e pintura de cabelo em aulas práticas e teóricas.

“Além de atender a comunidade carcerária feminina em suas necessidades e vaidades, elevando-lhe a autoestima, o Lisbela tem como objetivo valorizar as internas mães, com idade entre 18 e 41 anos, sem perspectiva profissional e com expectativa de trabalho”, comentou a gerente de projetos Maria Domingas Printes.

A interna Gabriele Ferreira de Castro disse que este é o terceiro curso de capacitação que participa dentro da unidade prisional. Ela faz planos de exercer a profissão quando deixar o cárcere. “Quero aprofundar o conhecimento nessa área, como design de sobrancelha, corte de cabelo, escova e maquiagem. É um ramo muito bom não só para fazermos em nós, como nas outras pessoas”, afirmou.

Remição da pena – O curso profissionalizante conta como remição da pena pelo estudo, previsto na Lei de Execução Penal (LEP), que estabelece a redução de um dia da pena a cada 12 horas de estudo.