Category

Projetos Umanizzare

Category

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) iniciou nesta semana o curso de eletricista predial para os internos do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), localizado no Km 08 da BR-174 (Manaus-Boa Vista). O projeto é uma parceria com a Umanizzare Gestão Prisional, por meio do projeto do Núcleo de Aprendizado Profissional (NAP).

O curso tem a carga horária de 160 horas e, ao todo, 15 reeducandos participam das aulas. Ao final, os reeducandos terão conhecimentos de instalações elétricas prediais, residenciais e comerciais de baixa tensão, compreensão de projetos elétricos de uma obra, obedecendo às normas técnicas regulamentadoras e ambientais e outros. A prática será posta dentro da própria unidade.

Para o diretor da unidade, Erivan Miller, o objetivo do projeto é qualificar o reeducando para ser reinserido na sociedade com uma nova perspectiva de vida.

“Os cursos apresentam uma proposta não somente de aprendizado profissional, mas também de mudança de vida pois, ao término, eles têm a oportunidade de ingressar no projeto de remição pelo trabalho e assim contribuir com reformas e manutenção de unidades prisionais, vias e prédios públicos, além de remir sua pena”, analisou.

Após o curso, os internos terão a chance de colocar em prática os conhecimentos adquiridos. “Valorizando assim a ação do Estado em proporcionar um recomeço digno para sua vida por meio da ressocialização, quando de seu retorno à família e sociedade”, afirmou o diretor.

Remição por trabalho – A remição por meio do trabalho está prevista na Lei de Execução Penal (LEP), Lei 7.210/1984, garantindo um dia de pena a menos a cada três dias de trabalho. A remição pelo trabalho é um direito de quem cumpre a pena em regime fechado ou semiaberto.