Category

UPI

Category

Reeducandos e funcionários da Unidade Prisional de Itacoatiara (UPI) tiveram acesso a procedimentos de coleta de sangue, para realização de diversos tipos de exames para diagnóstico e prevenção de doenças no local.

A ação foi articulada pela equipe técnica da área de Saúde da Umanizzare Gestão Prisional, empresa que faz a cogestão de cinco presídios no Amazonas, com o apoio da Unidade Básica de Saúde José Resk, junto com o Laboratório Central(LACEN), que disponibilizou o material para a coleta e análise.

Os exames de sangue acontecem mensalmente, ou sempre que necessário, conforme indicação dos profissionais de saúde.  Desta vez foram coletados sangue para exames: Hemograma, Triglicérides, Colesterol, Ácido Úrico, Glicemia, VDRL, Urina (EAS) e Fezes (EPF)

Os resultados devem ficar prontos até o dia 20 de setembro. Após os testes laboratoriais, caso seja identificado algum tipo de doença, tem início o tratamento pontual e, se necessário, o agendamento imediato do reeducando com o médico.

Após a coleta dos exames os profissionais da saúde orientaram os internos sobre a saída do jejum e cuidados no local da perfuração onde foi coletado.

 “O acolhimento inicial é de suma importância para aliviar o nervosismo e ansiedade dos reeducandos, alcançando não somente a técnica correta da coleta, como também na humanização antes dos procedimentos”, disse o técnico de enfermagem Hamilton Matos

OMS – A Umanizzare segue as orientações do Ministério da Saúde (OMS), nos presídios que administra, e os exames de sangue são ferramentas importantes para avaliação do estado de saúde e prevenção de doenças. “É por meio dessas avaliações rotineiras que se pode identificar condições que se instalam de forma silenciosa, como o diabetes, a hipertensão, o colesterol alto e alguns tipos de câncer”, ressaltou a enfermeira Graciane Fábio.