Category

Notícias

Category

Como acontece periodicamente, detentos do sistema prisional do Amazonas estão recebendo orientação médica sobre saúde bucal. O trabalho é realizado por odontologistas, por meio de palestras e consultas.

As orientações ressaltam a importância de dentes saudáveis para evitar problemas como cáries, ausência de dentes e mau hálito, que podem acarretar em baixa autoestima no interno.

O trabalho vem sendo feito em todas as 19 unidades do sistema amazonense e fazem parte do Projeto de Saúde Bucal “Prevenir Para Sorrir”, lançado em 2016 pela Secretaria de Administração Penitenciária do Amazonas (Seap) e a Umanizzare Gestão Prisional Privada, que atende os mais de 7.984 presos, incluindo os do regime semiaberto.

Durante as orientações, os presos recebem kits de higiene bucal, compostos por escovas de dente, creme dental e fio dental.

“Nosso objetivo é orientar os reeducandos a assumirem a responsabilidade por sua própria saúde bucal, evitando algumas doenças comuns entre os reeducandos, como gengivite (inflamação da gengiva), periodontite e câncer bucal” afirma a técnica Sheryde Karoline.