Notícias

Projeto promove atividades aos filhos dos presos em Itacoatiara

Compartilhe no Google+ Compartilhe no Pinterest Compartilhe no LinkedIn Compartilhe no Tumblr

No último fim de semana, crianças participaram das atividades do “O Pequenino” – projeto desenvolvido pela Umanizzare Gestão Prisional – brincaram de colorir desenhos com lápis de cor, tintas guache, com massa de modelar e carrinhos feitos de papelão e emborrachados confeccionados pelos próprios reeducandos da unidade, entre eles Fábio Pantoja que recebeu orientações de como desenvolver as atividades lúdicas com as crianças.


Desenvolvido para atender aos filhos dos reeducandos nos presídios do Amazonas, “O Pequenino” torna o ambiente carcerário menos traumático para as crianças que acompanham os pais durante o horário de visita, nos finais de semana.

Todos os finais de semana a Unidade Prisional de Itacoatiara (UPI) recebe os filhos dos internos durante o tempo de visita dos familiares. Com as crianças ocupadas e imersas num ambiente com ações lúdicas e pedagógicas, os pais têm mais tempo para a visita, abrindo oportunidades para melhorar as relações pessoais.

De acordo com a assistente social, Ana Maria Bezerra e a psicóloga Patrícia Mendes, o interno é qualificado para monitorar o projeto junto à equipe da Umanizzare na unidade.

“Utilizamos as atividades lúdicas para que elas tenham a oportunidade de aprender brincando, se distrair e amenizar as tensões geradas no ambiente carcerário”, disse a psicóloga reforçando que, além disso, brincar é sinônimo de aprendizado, pois gera espaço para raciocinar e até para desenvolver a coordenação motora dos pequenos.  

Para o reeducando Fábio de Souza Pantoja, além de ter “ajudado” a proporcionar um dia especial para os filhos dos colegas de confinamento, desta vez houve um diferencial, ele pode brincar com a filha que vem pouco há unidade por morar em outra cidade.

Publique um comentário