CDPF

Reeducandas do CDPF promovem atividade musical em comemoração ao dia das Mães

Compartilhe no Google+ Compartilhe no Pinterest Compartilhe no LinkedIn Compartilhe no Tumblr

Em comemoração ao Dia das Mães, reeducandas do Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), promovem atividade musical em comemoração ao “Dia das Mães”, no “Projeto Harmonizar”. O projeto é desenvolvido por meio de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) e a cogestora das unidades prisionais no Amazonas, a Umanizzare Gestão Prisional. O projeto foi criado exclusivamente para os reeducandos do sistema prisional do Amazonas e tem como principal finalidade o resgate da autoestima, da dignidade humana, além de retirar as reeducandas do tempo ocioso, que passam a ter atividades de canto e música.

De acordo com o professor responsável pelas aulas, Miqueias Fernandes, a educação musical permite ao ser humano buscar
um equilíbrio entre razão e a emoção, provocando reflexão e um processo de ressocialização. “O projeto harmonizar terá continuação dos ensaios para o coral do Dia das Mães, que será realizado dia 11, sexta-feira, na unidade prisional”, disse o professor. Miqueias explicou que a música expressa nas reeducandas algo que não pode ser dito em palavras em uma simples rodada de conversa. E como função da arte em um processo social, manifesta os diversos afetos em descoberta para busca da
paixão, em forma de melodias. “O projeto tem sido de muita importância, muitas meninas se emocionam, mesmo porque é uma data comemorativa e de recordação da genitora para algumas”, ressaltou o educador.

Publique um comentário