Notícias

A bola vai rolar também nos presídios do Amazonas

Compartilhe no Google+ Compartilhe no Pinterest Compartilhe no LinkedIn Compartilhe no Tumblr

Copa dos Campeões faz parte do programa de ressocialização dos presos por meio da prática esportiva.

O clima de Copa do Mundo chegou também aos presídios do Amazonas. Nos próximos dias será dado o pontapé inicial para a Copa dos Campeões, competição realizada pela Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) e a cogestora Umanizzare Gestão Prisional entre os internos do sistema prisional.

No Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), a tabela de jogos já está definida com a participação dos pavilhões 01, 03, 04, 05 e 06.  O campeonato irá movimentar mais de 400 detentos, entre jogadores e torcedores, fortalecendo as ações coletivas e o espírito de equipe, com repercussão direta na interação e ressocialização dos internos.

O professor de educação física do CDPM, Alárick Rebouças, ressalta que a data para o lançamento da “Copa dos Campeões” foi planejada para o início da Copa do Mundo, com o objetivo de aproveitar o momento e a euforia de torcer pela seleção canarinho.

“O mais importante prêmio é o retorno positivo e respeito mútuo que conseguimos obter com os reeducandos após realização de cada atividade. Com os jogos, conseguimos fortalecer o espírito de equipe, agregar valores de cidadania, criar espaços de convivência”, enfatiza Alárick Rebouças.

A gerente técnica da Umanizzare, Sheryde Karoline Lima, destaca a importância da inclusão esportiva nas unidades, “com o torneio alcançando vários objetivos como a prevenção de doenças, controle de pesos prazer e bem estar, até mesmo porque tem relação direta com questões como saúde física e mental”.

A bola vai rolar também entre os internos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj – fechado) e da Unidade Prisional de Itacoatiara, cujo processo de seleção de jogadores e as competições devem começar até o final do mês de junho, com término em julho.

Publique um comentário